Anoitan

“Se sempre há um amanhã, sempre há um anoitã.”

Manual prático de evolução pessoal – Pegue o que lhe serve

Posted by luramos em maio 17, 2009

O Segredo dos Pioneiros

copiei  daqui,

http://www.trigueirinho.org.br/textos/php/o_segredo_dos_pioneiros.php

O sofrimento que se abate hoje sobre a Terra é incalculável. Os fatos confirmam, de maneira cada dia mais desnuda, que estamos no princípio de um processo que, em curto período, terá seu desenvolvimento e desfecho na “escola da dor”. Podemos compreender a necessidade desse aprendizado como recurso último: sem ele, a autodestruição da espécie humana na Terra seria inevitável.
Porém, não podemos deixar de nos perguntar como mitigar tão grande sofrimento, como contribuir para esse processo inevitável transcorrer com a maior harmonia possível. Para isso, é bom lembrarmos que, apesar de tamanha carga negativa, maior é a ajuda disponível nos níveis supramentais, onde o caos não existe, e maiores as facilidades para contatá-los.
Nesses níveis, Irmãos mais experientes, provindos de outras esferas siderais, velam em silêncio pela humanidade — mas, embora esses Irmãos possam ajudar aos que estiverem receptivos, não podem equilibrar as más ações que ao longo das épocas o próprio homem engendrou. Segundo a lei de causa e efeito, ou lei do carma, para chegar a certo equilíbrio ele mesmo deve agir conscientemente de maneira oposta.
Eis, portanto, como podemos contribuir para a harmonia. E, se assumirmos essa tarefa, notaremos transformações imediatas em nossa vida, com benéficas repercussões planetárias.

1. À medida que você for desenvolvendo a atenção sobre as próprias ações e aprendendo a controlá-las, observará mais defeitos e falhas em sua pessoa. Não perca tempo analisando-os. Se cometer algum deslize, prontifique-se a não repeti-lo e a manifestar o oposto. Depois siga adiante, com decisão.
2. Não alimente culpa e ressentimento em si mesmo nem nos demais. Não há culpados, mas aprendizes. Dispomo-nos a aprender quando nos dispomos à transformação.
3. Não tente justificar-se, nem perante si mesmo nem perante os demais. Aprenda com o erro e com o acerto, e de imediato dê o passo seguinte. 4. Coligue-se com os níveis mais internos da sua consciência. Descubra como fazê-lo. Todos sabem, pois é um conhecimento inerente ao ser. Lembre-se de algum momento de muita dificuldade, em que, voltado para Deus, ou para um poder superior, você tenha com sinceridade suplicado ajuda. O “lugar” em seu interior ao qual se dirigiu naquele instante de necessidade extrema é para onde você deve volver a todo instante em busca de união com a divindade. Essa ação silenciosa é profundamente eficaz e transformadora.
5. Permita que a compaixão aflore em seu ser. Isso nada tem a ver com envolvimentos ou demonstrações emocionais. A compaixão é a compreensão da real necessidade de outrem, a união com a essência dos seres. É algo a ser vivido, e não descrito ou discutido.
6. Faça de sua vida externa um reflexo, o mais fiel possível, das suas mais altas aspirações. Ações abnegadas repercutem de maneira benéfica e indescritível em toda a aura do planeta e evocam os elementos positivos, latentes e manifestos, dos reinos da natureza. Pratique-as, e pouco a pouco você conhecerá uma alegria transcendente.
7. Nada tema, não vacile. Conte com a inspiração do seu eu superior e interno.
8. Eleve ao eu superior por inteiro o amor e o afeto de que você é capaz. Invoque a Graça, que lhe vem por intermédio do espírito imortal.
9. Repudie com firmeza todo e qualquer pensamento ou imaginação que o desvie da meta eleita. Seja mais persistente que as forças involutivas que o estejam assediando. O que parece intransponível ou insuportável dissolve-se como se nada fosse no exato instante em que afirmamos a Luz.
10. “Não alimente o que deve morrer. Não semeie o que não deve nascer.” Sua fortaleza será tanto maior quanto mais firmemente você se pautar por essa Lei.
11. Tenha presente que outros seres esperam você avançar para poderem avançar também. 12. Lembre-se de que o mais importante é sua inteira e cristalina adesão à Verdade.
Com essas sugestões, você poderá descobrir de repente, sem saber como, que está vivendo uma nova vida. Conhecerá então, por experiência direta, o segredo dos pioneiros.
Extraído do boletim Sinais de Figueira, de Trigueirinho

Anúncios

7 Respostas to “Manual prático de evolução pessoal – Pegue o que lhe serve”

  1. Fy said

    “Conhecerá então, por experiência direta, o segredo dos pioneiros.”

    Lu,

    Outro dia li um ensaio interessante, que me parece ter a ver com a mensagem do teu post:

    A palavra piedoso tem dois significados em nossa língua.

    Em primeiro lugar, piedoso: piedade liga-se diretamente à devoção, a uma vida devota à uma causa ou à uma crença.

    e, em segundo lugar: a palavra devoto era antigamente usada no sentido de “Corajoso”.

    O quinto livro de Hermes é uma parte de um diálogo entre Hermes e Tat.

    Tat dirige nossa atenção à realeza, a uma vocação à realeza, a um verdadeiro vir-a-ser humano-superior.

    A Tat é dito que a chave do verdadeiro vir-a-ser humano está na devoção: na Coragem para perseverar na conquista da verdadeira piedade.

    Esse é o segredo! A posse da intrepidez, da coragem para se impor apesar de todos os obstáculos. Se não tendes essa força de realização que vence resistências, obstáculos, se não quereis irromper desse modo, então jamais alcançareis a sabedoria, jamais chegareis ao amor à humanidade, no sentido da lei básica da Gnosis.

    Irrompei através de tudo, ainda que, em sentido burguês, às vezes não vos pareça perfeitamente justo ou que não vos convenha. Então a sabedoria se encaminhará para vós. Quando ousardes verdadeiramente, em absoluta sinceridade, e empurrardes para o lado todos os obstáculos, não os aceitando, não os reconhecendo, tereis atravessado o portal. Jan Van Rijckenborgh

    Eu acredito que esta era a fórmula dos gds Pioneiros, Lu.

    Às vzs eu tenho a sensação de que os terrestres estão sofrendo de síndrome de estocolmo generalizada.

    Bjs

  2. Elielson said

    Por um momento, algo se faz necessário.
    Em outro momento, algo se faz desnecessário.

    Mas dentro das coisas necessárias e desnecessárias, existe ALGO que nunca sabemos se é necessário ou não.

    É como olhar alguém de cinco metros de altura, e encará-lo sabendo que com um pequeno movimento, ele tiraria toda nossa capacidade.

    Ao estar perto desse gigante vejo uma corrente nos pés dele, então eu tento ser sincero.

    Se eu disser pra ele: Senhor gigante, não vê a corrente aqui no seu pé?

    Ele vai dizer: Não fale dela! Ela estava aqui antes de vc chegar!(status quo) Ela vai estar aqui depois que vc se for.(fé)

    Eu digo: Mas vc nunca tentou saber Pq elas estão aí?

    Ele ri e diz: PQ? Se vc não sabe algo… Não fale essa palavra! Quando eu ouço essa palavra, a corrente não fica tão gostosa, me dá a sensação de que eu não posso fazer o que eu quero… HaHah, boa tentativa homem, como se eu não pudesse fazer o que eu quero!!! Vc quer a corrente pra vc e está me desconsertando! COMPRE A SUA!

    – Mas eu não quero ela, só quero saber o Pq dela?

    Então o gigante fala: Ora, se tudo o que eu faço é pela corrente, eu não posso aceitar que vc tenha outra causa… qual a causa se não a corrente? Vc deveria tentar ser gigante como eu, e então usar uma corrente, daí saberia como é bom. Pq ela está no meu pé, mas controla vc!

    – Quem disse isso pra vc? Pergunto eu!

    Nisso vem passando um outro homem pequeno, que ouve em parte nossa conversa:

    Ei, vcs querem saber o PQ da corrente?

    – Sim – eu respondo avido por uma resposta
    – Diga a esse pequeno, diga para que ele aprenda.- Diz o gigante.

    Então ele pega na corrente do gigante e começa a esfregá-la com as mãos, deixando-as mais brilhantes.

    O gigante imediatamente diz: Obrigado, Obrigado, não há melhor explicação, vc é um homem valoroso!

    – Mas… – O homem pequeno me interrompe: – Se ele se soltar pode me impedir de COMPRAR MINHA CORRENTE.

    Eu silencio, não digo mais nada pro gigante que parece muito feliz, e penso: Será que não veem que o homem sem corrente é pequeno e que o gigante só é gigante com a corrente? Será necessário o jogo que ocupa o pequeno e o gigante, talvez pq só saibam viver com esses papéis? Mas, e se eu não quero correr pela corrente, ou tendo que me sentir vivo por ela? Sou um intruso?

    Então minha única liberdade é procurar e interagir com quem suaviza o jogo carnivoro, e em outro contexto até canibal dos homens.

    E quem sabe um dia livrar-se da dor por não ser fã dela. Não aproveitando melhor a vida pra esperar melhor a morte. Talvez esperando melhor a morte para aproveitar melhor a vida. Em um cérebro, financiando a corrente, é dificil. Mas se eu puder respeitar o homem, sem respeitar seu jogo, eu já serei o homem que idealizo, agora, se eu serei ou não necessário ou desnecessário, dependerá sempre de outro…

    Pegue o que lhe serve.

    😉

  3. Sem said

    peguei pra mim: “se eu puder respeitar o homem, sem respeitar seu jogo” 🙂

  4. Kingmob said

    peguei isso:

    >Permita que a compaixão aflore em seu ser. Isso nada tem a ver com envolvimentos ou demonstrações emocionais.

    e isso,

    >Ações abnegadas repercutem

    e essa

    >“Não alimente o que deve morrer. Não semeie o que não deve nascer.”

    e a mais importante da qual as outras são mera consequência e é tarefa para uma vida inteira…

    >o mais importante é sua inteira e cristalina adesão à Verdade.

  5. Fy said

    Elielson,

    Muiiiito bom!

    se eu puder respeitar o homem, sem respeitar seu jogo,

    Tb peguei pra mim.

    Bjs

  6. Benedito Machado Gomes said

    Mas dentro das coisas necessárias e desnecessárias, existe ALGO que nunca sabemos se é necessário ou não.

  7. Eduardo Gadens said

    Convido todos a participarem da minha recém-criada página no facebook (Evolução Pessoal). Sintam-se todo muito bem-vindos, e caso queiram compartilhar algo por lá, ou coisa do tipo, fiquem à vontade!
    Apenas um exemplo do que encontrarão na página. (também terão vídeos, música e outras coisas…)
    .

    .
    .
    *Se gostar da página, dê seu like e se não for pedir muito, passe o mouse sobre o botão de curtir e marque a opção “obter notificações”, assim você fica sempre sabendo dos novos posts da página, já que as páginas que não pagam ao sr Zuckerberg são meio que boicotadas, e as atualizações raramente aparecem no feed dos seus seguidores, ou curtidores, chame como quiser. :P*
    Link: http://www.facebook.com/pessoalevolucao

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

 
%d blogueiros gostam disto: